quinta-feira, 28 de julho de 2011

Sim, eu sou feminista. Não, eu não odeio os homens!



E você, considera-se feminista?

Porquê, ou por que não?

4 comentários:

Boneca de Trapos disse...

Olá!

considero-me feminista porque acredito que deve existir uma coexistência em pé de igualdade entre homem e mulher sem que um se superiorize ou humilhe o outro das mais variadas formas. Ao contrário do que muitos apregoam, isso não é algo que as mulheres já alcançaram. não falo de DIREITOS IGUAIS (quando eles já existem), falo de IGUALDADE pura. Mas sobretudo considero-me feminista porque sou activa na luta contra a superioridade do homem e da sua família patriarcal. Não creio que exista algo como "feminista passiva".

Acrescento que, como feminista a imagem que colocou faz todo o sentido. O facto de ser feminista não faz com que passe a odiar os homens. Aliás, permite-me perceber que, se os homens são culpados pela inferioridade da mulher, as mulheres também o são porque permitiram durante séculos que assim fosse e a maior parte continua, infelizmente, a fazê-lo.

Maria Helena Santos disse...

Exactamente!
O problema é simbólico e todas as pessoas contribuem para ele, e não apenas os homens. Caso contrário, acredito que já estaríamos mais perto da igualdade de género.
Por isso, é preciso desconstruir a representação negativa que existe em torno d@s feministas. Feminismo NÃO é o oposto de sexismo. @S feministas pretendem a igualdade de género, ou seja, um mundo mais justo. O sexismo mata!

Stormy disse...

Claro que fui, sou e continuarei feminista a ser. E nas gerações mais novas também há feministas de todos os sexos, o que raramente acontece com a minha geração.

Anónimo disse...

Eu sou contra o feminismo porque as próprias mulheres não entendem o significado de feminismo. Acham que feminismo as fazem superiores aos homens, o que não é verdade. Feminismo para mim é a mesma coisa de machismo, só que praticada por mulheres e como eu sou contra o machismo, sou contra o feminismo tambem.